Cleo    Pimentas
                                                       Variedades
Biquinho
Espécie: Capsicum chinense.
Origem: Brasil.
            A planta atinge uma altura entre 80 a 120 cm, com 3 a 5 flores por nó, de corolas esverdeadas e anteras azuladas. Seus frutos de sabor suave, um tanto ácidos, lembram o gosto da acerola, sendo considerada uma pimenta doce, pois é desprovida de ardência.  Muito utilizada na decoração de pratos e como tira-gosto. Sua cor vai do verde (imaturo) ao vermelho (maduro). São arredondados e com uma ponta em formato de bico, vindo daí o seu nome. Medem em media 1,5 cm de largura por 2,5 cm de comprimento. São pendentes e apresentam  constrição anular na junção entre o cálice e o pedicelo. Possuem em media 42 sementes de cor palha por fruto.
Veja fotos
Bode Laranja
Espécie: Capsicum chinense.
Origem: Brasil.
            Planta cresce em media 120 cm de altura. Flor de corola branca esverdeada, com anteras lilás, em número de 2 a 4 por nó. Frutos pendentes, de coloração verde (imaturo) a  laranja (maduro), de pungência baixa, esféricos achatados, com 20 x 12 mm, com 20 sementes de cor palha, apresentando constrição anular na junção do cálice com o pedicelo. Entra e produção aos 110 dias.
Bode Roxa
Espécie: Capsicum chinense.
Origem: Brasil.
             Planta arbustiva, perene, com 120 cm da altura. Possui folhagem brilhante e verde escura, com bastante antocianina nos galhos, hastes e nervuras, o que lhes conferem a coloração  roxa. Entra em produção aos 120 dias. Flores de corolas brancas com manchas lilás na face dorsal, sendo de duas a três por nó. Frutos de coloração verde (imaturo) a roxo (maduro), apresentando estrias mais claras no sentido longitudinal, e constrição anular na junção do cálice com o pedicelo. Tem formato esférico achatado, com 2,0 x 1,5 cm, com uma media de 55 sementes de cor palha. O aroma é muito ativo e o sabor frutado, com pungência de médio para alta. Usada no preparo de molhos e fresca, para temperar peixes e carne suína.
Bode Vermelha
Espécie: Capsicum chinense.
Origem: Brasil
            Planta bem compacta e produtiva. Duas a três flores por nó, com a corola branco-esverdeada. Frutos tipo baga, com coloração verde (imaturo) passando ao vermelho vivo (maduro), esféricos achatados, medindo 1,2 cm de comprimento por 1,5 cm de largura, contendo em torno de 33 sementes. Apresentam constrição anular na união do cálice com o pedicelo. Muito picantes e aromáticos, com cheiro  mais forte quando imaturos, são ótimos para molhos e para temperar pratos de sabor forte.
Baccatum Unknown 01
Espécie: Capsicum baccatum var. pendulum.
Origem: Brasil.
               Planta com altura entre 80 a 100 cm. Flores: 1 a duas por nó, com anteras amarelas e corola branca com manchas verde amareladas na base dos lóbulos. Entra em produção entre os  100 e 120 dias. Produz frutos tipo bloco, com pericarpo espesso e casca fina, com 3,5 cm de comprimento por 5 cm de largura, de pungência baixa e sabor frutado e adocicado, possuindo uma media de 60 sementes de cor creme. Produz de 40 a 50 frutos por safra. Excelente para pratos que pedem frutos grandes, carnudos e pouco ardidos, como pimentas recheadas e saladas.
Paginas:
1
2
HOME
Paginas:
HOME
2
Aji Limo (Red)
Especie: Capsicum chinense.
Origem:  Peru.
                 Planta com 120 cm da altura por 45 cm de largura. Gosta de solo profundo, solto e bem drenado, rico em matéria orgânica, com pH entre 6,6 e 7.6.  Flores com corola branco-esverdeadas e anteras lilás, em numero de 2 a 4 por no.  Fruto de pungência muito alta, tipo baga triangular, com 4,5 cm de comprimento por 3,5 cm de diâmetro, de coloração verde e roxa (imaturo) a vermelha (maduro).  Produz aos 95 - 100 dias. É usado seco, em conservas tipo picles, e em molhos. Também é usado fresco para temperar peixes.  É ingrediente indispensável no preparo do famoso ceviche peruano
.
3
3
1
4
4
5
5
Bolivian Rainbow
Espécie: Capsicum annuum.
Origem: Bolívia.
                    Essa variedade foi cultivada e selecionada por séculos na Bolívia. É uma planta esplendorosa que atrai a atenção do olhar por sua beleza e delicadeza.  Seu nome deriva da variedade de cores que seus frutos apresentam, compondo um verdadeiro arco-íris de tonalidades, lembrando pequenas lâmpadas de arvore de natal. Suas flores e folhas também são belíssimas, tornando essa variedade uma das pimentas ornamentais mais cobiçadas no mundo. Um detalhe interessante na Bolivian Rainbow, é que seus frutos apresentam um sabor agradável, o que não é comum nas variedades ornamentais.
                    A planta não tolera solos encharcados, podendo-se usar para compor seu substrato 1 parte de areia, 1 de terra e 1 de húmus, cuidando de colocar uma camada de cacos de telhas ou cerâmica no fundo do vaso para facilitar a drenagem.  É de porte baixo, atingindo entre 60 a 90 cm de altura por 30 a 45 cm de largura, por isso podem ser plantadas satisfatoriamente em vasos com volume de 7 a 10 litros. Suas hastes são eretas e verde – lilás escuras, quase totalmente roxas devido a presença intensa de antocianina, o mesmo acontecendo com suas folhas, verde-roxas brilhantes.
                   Suas flores brotam solitárias em cada nó, com pedicelo ereto na antese, possuindo corola com pétalas lilás, semitransparentes e sem manchas difusas na base dos lóbulos, com anteras também de coloração lilás.
                   Seus frutos, não decíduos, brotam em grandes quantidades, podendo-se às vezes contar até trezentos por planta. Os pedicelos assumem posição ereta e não apresentam constrição anular na junção com o cálice. Possuem formato cônico curto, nas dimensões de 1,9cm de comprimento por 1,3 cm de diâmetro, a passam por uma grande variedade de tonalidades, começando do roxo, passando pelo amarelo quase branco, amarelo claro, amarelo ouro, várias tonalidades de laranja, até atingir o vermelho profundo que caracteriza o fruto maduro. São muito picantes, com pungência em torno de 5 na escala de calor.
                   Embora sejam cultivados mais por sua beleza, seus frutos podem ser usados para temperar pratos à base de carne de aves e porco, pois são de sabor agradável. Compõem também arranjos de muita beleza quando usados em conservas de frutos inteiros em potes transparentes.
Apache
Espécie:Capsicum annuum
Origem: USA.
                    É uma variedade ideal para cultivadores domésticos por possuir planta de pequeno porte, com 45 cm de altura por 30-35 cm de largura, ótima para vasos ou jardineiras. Além de ser uma planta muito bela, possui frutos de excelente sabor, fornecendo pimentas frescas sempre à mão, se plantada próxima à cozinha ou churrasqueira.
                   Suas flores, de pedicelo ereto na antese, solitárias em cada nó, têm corola branco-leitosa sem manchas na base dos lóbulos, com anteras de coloração cinza clara.
                   Frutos em posição ereta (a variedade Apache F1 possui frutos pendentes), muitas vezes inclinado, com o formato cônico alongado, medindo 4.5 x  1.8 cm, com pungência em torno de 100.000 SHU. Suas sementes, em número de  70-80 por fruto, são de coloração creme e germinam entre 8 e 10 dias. A colheita se inicia aos 150 dias após a  semeadura, e continua durante o resto do ano.
Beni Highlands
Espécie: Capsicum chinense
Origem: Bolívia
Pungência: 42.240 SHU.
                        Variedade natural do estado boliviano de Beni, localizado a nordeste daquele país, onde faz fronteira com o estado brasileiro de Rondônia. Muito resistente e produtiva, cresce 90 cm de altura por 60 cm de largura.  Prefere o clima quente e úmido, típico das florestas tropicais, com solo profundo e rico em matéria orgânica.
                         As flores, de pedicelo inclinado na antese, surgem em numero de 3 a 5 por nó, com corola branco-esverdeada, sem manchas na base dos lobos das pétalas, e anteras de coloração azul.
                         Frutos, pendentes, em formato de ponta de flecha, terminando em um ápice afilado, com dimensões de 5 x 2,3 cm. Surgem em grandes quantidades, deixando a planta muito bonita. Com a superfície um tanto irregular, apresentam coloração verde escura (imaturo), que passa gradualmente ao amarelo intenso brilhante (maduro). São muito aromáticos, com o sabor típico das Habaneros misturado a um toque cítrico. Cada fruto contém uma média de 30 sementes de cor creme, que germinam em um período de 10 a 18 dias. A colheita, muito abundante, se inicia 160 dias após a semeadura, para frutos maduros.
                         Em sua região, é usada fresca no preparo de um molho à base de tomates, que é usado para temperar vários tipos de pratos. Fica ótima em conservas tipo picles e, por possuir as paredes relativamente delgadas, pode facilmente ser desidratada.
Arriba Saia - Ver "Umbigo de Tainha"
Hosted by www.Geocities.ws

1