intro.gif (2169 bytes)

Em nome de Deus, o Clemente, o Misericordioso

 

or_bar.gif (1182 bytes)

 

A BATALHA DO CAMELO

 

l_brown.gif (101 bytes)

 

Durante o califado de 'Ali, surgiram diversas rebeli�es, principalmente de tr�s fac��es, que se tornaram perigosas. Ningu�m se sentia mais infeliz do que 'Ali, o grande lutador, o s�bio conselheiro, que tinha convivido t�o de perto com o Profeta. Desde o in�cio de seu governo, eram s� guerras e desastres. Os problemas come�aram como resultado de uma decis�o de 'Ali de mudar a capital para um lugar mais central. N�o obstante fosse uma decis�o s�bia, seus efeitos se mostraram desastrosos. Quando ele se mudou para Kufa, a nova cidade �rabe no Iraque, ele deixou alguns descontentes em Medina. Enquanto 'Ali permaneceu em Medina, ele pode controlar a situa��o, mas quando se afastou o descontentamento cresceu, principalmente quando ele decidiu remover oficiais inadequados que haviam sido indicados por Osman.

Talha e Zubair, em Medina, n�o perdoaram 'Ali pelo fato de eles n�o terem sido  indicados para um cargo mais elevado. Assim, decidiram reagir. Mas, era dif�cil fazer alguma coisa contra 'Ali, que era uma pessoa justa, firme e determinada, que n�o mostrava favoritismos, que conhecia os caminhos do poder, que havia sido um importante conselheiro do grande Omar. Eles achavam que podiam imputar a 'Ali a culpa pela morte de Osman, mas, na verdade, 'Ali n�o tinha nada a ver com o caso. Por outro lado, eles diziam que 'Ali devia ter instaurado um inqu�rito para identificar os assassinos. Eles tentaram conseguir o apoio de Aisha, dizendo que ela devia vingar o sangue derramado de Osman. Eles foram  at� ela e lhe disseram que Malik al-Ashtar e Mohammad ibn Abu Bakr (seu pr�prio irm�o) tinham sido os l�deres dos tumultos que culminaram com a morte de Osman. Malik al-Ashtar era um oficial do ex�rcito de 'Ali e Mohammad era filho de uma das esposas de 'Ali. Eles tentaram persuadi-la dizendo que a justi�a tinha que ser feita e ela precisava fazer alguma coisa. Finalmente, ela se convenceu. Aisha, que n�o gostava da id�ia da guerra, sentiu que tinha que cumprir com o seu dever.

O resultado foi que Talha e Zubair e outros de Medina reuniram um  ex�rcito e, levando Aisha com eles, se dirigiram para Kufa. 'Ali logo soube das inten��es do grupo. Ele era inocente, todo o mundo sabia disso e, al�m do mais,  n�o tinha sido provado que Malik al-Ashtar e Mohammad ibn Abu Bakr eram os verdadeiros assassinos.  'Ali foi encontr�-los perto de Basra. Ele tentou persuadir Aisha a parar com aquela guerra sem sentido mas seus conselheiros n�o concordaram. A �nica sa�da era a luta. Aisha montou um camelo branco e 'Ali ordenou que ela fosse capturada porque essa era a �nica forma de terminar com o derramamento de sangue. As for�as de Medina lutaram desesperadamente em volta do camelo de Aisha e por isso a batalha ficou conhecida como a "Batalha do Camelo". A luta terminou com a vit�ria de 'Ali. Talha  e Zubair, que tinham liderado a revolta, morreram no campo de batalha eAisha mandada de volta para Medina, com todas as honras que lhe eram devidas.

 

Fonte

"A Short History of Islam" - S. F. Mahmud

back1.gif (279 bytes)


home.gif (396 bytes)


Hosted by www.Geocities.ws

1